GoioNEWS - O Jornal Eletrônico de Goioerê e Região

Segunda, 21 de Janeiro de 2019
  • :
  • :
siga-nos

Bebê de dois anos se embriaga com vodka. Era cuidado por irmã de 11 anos que fumava maconha

12/01/2019

                         Uma criança de apenas dois anos foi socorrida por vizinhos após ser encontrada deitada, desacordada, na calçada em frente ao imóvel onde reside. O caso aconteceu na noite de domingo (6), no bairro Jardim das Macaúbas, na cidade de Campo Grande/MS.

De acordo com o site Campo Grande News, a mãe do bebê admitiu que ele ingeriu vodca com energético e inalou fumaça de maconha. A mulher, de 32 anos, contou ao site que saiu de casa por 30 minutos e deixou a criança com a irmã de 11 anos. A mãe afirmou que a filha faz uso do entorpecente e também de bebida alcoólica.
Ela relatou que foi à casa de um conhecido e deixou a criança com a irmã e a colega de 13 anos. As duas, então, foram para a varanda em frente da casa fumar maconha e consumir vodca com energético. “Não sei como ele conseguiu beber, porque não estava em casa. Quando voltei, o meu filho já estava com o vizinho. Lá, na delegacia, falaram que sou irresponsável, mas quando sai ninguém estava usando maconha”, disse a mulher.
A mãe comentou que descobriu há poucos dias que a filha usa droga. “Dei uma surra nela. Ela ficou marcada. Mas mesmo assim não quer me ouvir. Vou ter que mandar ela ir morar com o pai. Porque não tem mais o que fazer”. A dona de casa garante que não usa entorpecente e só faz uso de álcool de vez em quando.
Segundo um vizinho, que pediu para não ter o nome divulgado, foi a filha de 20 anos que encontrou o bebê deitado na calçada e o levou para a casa. Lá, acionaram a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Samu. “Não conheço a família. Só sei que a menina de 11 anos usa droga”. Ele disse ainda que a mulher aparentava estar sob efeito de álcool.
O bebê foi encaminhado à UPA Universitário (Unidade de Pronto Atendimento). Lá, foi ministrado soro e constatado que a criança havia ingerido bebida alcoólica. O menino recebeu alta ainda durante a madrugada desta segunda-feira (7). O bebê e a irmã foram atendidos pela assistente social da unidade e depois entregues à mãe.
A mulher foi levada à delegacia e autuada por maus-tratos. Ela não tinha passagem pela polícia e vai responder em liberdade. Os nomes dos envolvidos não podem ser divulgados. (Informações: Campo Grande News).

 

 



Leia Também



Enviar por email

Envie Bebê de dois anos se embriaga com vodka. Era cuidado por irmã de 11 anos que fumava maconha
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GoioNews.
Copyright © 2004 - 2020 GoioNews.